CPJ condena ataques contra jornal na Nigéria

Nova Iorque, Estados Unidos (PANA)   - O Comité para a Proteção dos Jornalistas (CPJ) condenou os ataques de quinta-feira contra escritórios dum diário privado, Thisday, na Nigéria.

Segundo os Serviços de Segurança do Estado (SSS), pelo menos cinco pessoas morreram e diversas outras feridas quando kamikazes atacaram os escritórios do jornal na capital, Abuja, e em Kaduna, no norte do país.

"Condenamos estes ataques contra os escritórios do ThisDay, que representam um atentado ao direito fundamental de todos os cidadãos à informação", disse o coordenador da Defesa para a África do CPJ, Mohamed Keita, num comunicado.

"As autoridades nigerianas devem fazer tudo para proteger os órgãos de imprensa desta nova ameaça", acrescentou.

A seita islamita Boko Haram reivindicou a responsabilidade por estes atentados que, a seu ver, marcam o início duma campanha contra a imprensa por causa da "sua postura" relativamente à seita nos seus artigos.

O porta-voz da seita, Abul Qaga, disse que o ThisDay foi alvejado porque os "pecados" deste jornal são mais graves do que os dos outros.

O Thisday é considerado como largamente favorável ao Governo do Presidente nigerino, Goodluck Jonathan.

-0- PANA SEG/FJG/TBM/CJB/DD    27abril2012

27 Abril 2012 18:24:11




xhtml CSS