CEDEAO subvenciona energia no Mali

Bamako, Mali (PANA) - O ministro maliano da Energia e Hidráulica, Mamadou Frankaly Kéita, e o comissário da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO), Ibrahima Bocar Bâ, assinaram documentos relativos à subvenção de 28 biliões de francos CFA (um dólar americano equivale a cerca de 500 francos CFA) que a organização sub-regional pôs à disposição da Empresa de Energia do Mali (EDM), soube a PANA de fonte oficial.

Este apoio vai servir para reforçar as capacidades da EDM através da compra de combustível para as centrais térmicas, o reforço do parque de produção dos centros isolados, a revisão geral das máquinas em serviço nas regiões do norte afetadas pelas atividades dos grupos armados que ocuparam esta parte do país durante quase um ano.

Ele permitirá igualmente à empresa EDM reabilitar algumas redes e instalar contadores pré-pagos.

Em dezembro passado, a CEDEAO decidiu conceder ao Mali, à Gâmbia e à Serra Leoa uma subvenção de 108 milhões de dólares americanos (54 biliões de francos CFA) no quadro da aplicação duma política de emergência no domínio da energia a favor dos três países.

Este gesto da CEDEAO intervém depois de iniciativas similares na Guiné-Bissau e na Guiné Conakry.

-0- PANA GT/TBM/IBA/MAR/TON  18fevereiro2014

18 Fevereiro 2014 17:50:57




xhtml CSS