CEDEAO saúda eleições gerais na Serra Leoa

Lagos, Nigéria (PANA) - A Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) considera que as eleições gerais organizadas sábado na Serra Leoa decorreram globalmente bem.

A CEDEAO desdobrou uma Missão de Observação de 150 membros na Serra Leoa.

"A preparação das eleições de 2012, a organização da campanha eleitoral e o desenrolar da votação foram livres, justos e credíveis", indica o relatório preliminar da missão que era dirigida pelo antigo Presidente ganense, John Kufuor.

De acordo com o documento, a maioria da população serraleonesa, que quis votar, "teve a liberdade e o espaço requerido para exercer o seu direito constitucional de eleger ou ser eleito", acrescenta o relatório.

A missão notou contudo alguns "incidentes isolados" durante estas eleições, que poderiam manchar o bom desenrolar do escrutínio.

Trata-se da ausência da luz para permitir a contagem dos votos; dos atos premeditados de intimidação nalgumas assembleias de voto, da presença de alguns cartazes de partidos nalgumas assembleias de voto, o que é contrário à lei; e da falta de cabines de voto, o que pode manchar o caráter secreto do voto.

A missão declarou contudo que estas disfunções "não tiveram impacto sobre a transparência ou a credibilidade do processo eleitoral".

As eleições de domingo na Serra Leoa são consideradas como essencais para o reforço da democracia e da paz neste país da África Ocidental.

-0- PANA SEG/FJG/JSG/MAR/IZ 19nov2012

19 Novembro 2012 14:58:06




xhtml CSS