CEDEAO examina operacionalização da MINUSMA

Lagos, Nigéria (PANA) - Os chefes dos Estados-Maiores das Forças Armadas dos países fornecedores de tropas da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) reúnem-se este domingo, em Bamako, no Mali, com os oficiais das Nações Unidas para abordar as modalidades de finalização da transformação da Missão Internacional Africana de Apoio ao Mali (AFISMA) numa Missão Multidimensional Integrada e de Estabilização das Nações Unidas no Mali (MINUSMA).

Um comunicado da Comissão da CEDEAO transmitido à PANA indica que a reunião é uma das principais recomendações do encontro dos chefes dos Estados-Maiores das Forças Armadas dos países da África Ocidental organizado em Accra, no Gana.

Participam na reunião de Bamako, os nove países fornecedores de tropas da CEDEAO, o representante especial da CEDEAO no Mali, Abdou Cheaka Touré, igualmente vice-presidente da AFISMA, e o presidente do comité dos chefes dos Estados-Maiores das Forças Armadas, general Soumaila Bakayoko, da Côte d'Ivoire.

Os participantes vão abordar as questões de pessoal, material e logística para garantir uma transformação integrada dos seis mil e 237 elementos da AFISMA na MINUSMA com um efetivo de 12 mil e 600 homens antes das eleições nacionais previstas no Mali para 28 de julho.

A reunião de Accra recomendou igualmente o reforço da capacidade operacional da missão da CEDEAO na Guiné-Bissau (ECOMIB) sobretudo na concessão de alojamentos adequados para eleições nacionais cruciais previstas antes do fim do ano e que o programa de reforma do setor da defesa e da segurança sob a égide da CEDEAO  seja também efetivamente aplicado.

-0- PANA SEG/ASA/TBM/MAR/IZ 30junho2013

30 Junho 2013 16:37:48




xhtml CSS