Burundi pede apoio da Tanzânia para repatriar refugiados

Dar es Salaam, Tanzânia (PANA) – O Presidente burundês, Pierre Nkurunziza, pediu ao seu homólogo tanzaniano, John Pombe Magufuli,  para convencer os refugiados burundeses a regressarem à sua pátria onde "a situação voltou à normalidade".

O pedido de Nkurunziza consta duma mensagem entregue sábado em Dar es Salaam ao Presidente Magufuli pelo chefe do Estado Maior General das Forças Armadas do Burundi, general Evariste Ndayihimiye.

Falando na ocasião, o general Ndayihimiye declarou que o Presidente Nkurunziza « agradeceu com sinceridade à Tanzânia, enquanto país vizinho, ligado por relações amigáveis ao Burundi e como verdadeiro país irmão » a boa cooperação em diferentes questões.

« O Burundi e a Tanzânia mantêm relações muito estreitas e nós, Burundeses, consideramos a Tanzânia e o nosso país como um pai e o seu filho », disse o emissário de Nkurunziza.

Do seu lado, o Presidente Magufuli exprimiu os seus agradecimentos ao seu homólogo burundês pela mensagem que garante "a manutenção pela Tanzânia das suas relações históricas e amigáveis com o Burundi".

Sobre a situação atual no Burundi, o Presidente Magufuli disse esperar que a recente crise política no Burundi seja resolvida pacificamente graças aos esforços de conciliação envidados pelo chefe de Estado ugandês, Yoweri Kaguta Museveni,  e pelo ex-Presidente tanzaniano, Benjamin Mkapa.

« Peço-lhes para dizer ao Presidente Nkurunziza que a Tanzânia vai continuar a cooperar com o Burundi e oramos para que a crise tenha um desfecho feliz a fim de que vocês possam continuar a construção da vossa nação », declarou o Presidente Magufuli ao seu interlocutor burundês.

-0- PANA AR/ASA/BEH/FK/DD 18abril2016

18 Abril 2016 09:12:44


xhtml CSS