Burkinabe eleita coordenadora da rede das empresárias da UEMOA

Ouagadougou- Burkina Faso (PANA) -- A cidadã burkinabe Jeanne Bado foi eleita quarta-feira em Ouagadougou coordenadora da Rede das Mulheres Operadoras Económicas da União Económica e Monetária Oeste-Africana (RESOPE-UEMOA) para um mandato de dois anos.
Ela dirige um bureau de oito membros que representam cada um dos países da UEMOA incluindo o Benin, o Burkina Faso, a Côte d'Ivoire, a Guiné-Bissau, o Níger, a Nigéria, o Senegal, e o Togo.
A RESOPE-UEMOA constitui uma "associação internacional, apolítica e laica com fins não lucrativos", indicam os estatutos da organização sediada na capital burkinabe, Ouagadougou.
Esta estrutura visa contribuir para a integração económica, social e cultural dos países da UEMOA e a promoção das mulheres operadoras económicas nas políticas de desenvolvimento dos países.
A Rede tem igualmente como missão buscar financiamentos para permitir às mulheres desenvolver as suas empresas.

06 Julho 2006 14:08:00


xhtml CSS