Biografia do primeiro-ministro bissau-guineense

Bissau- Guiné-Bissau (PANA) -- O novo primeiro-ministro da Guiné- Bissau, Carlos Gomes Júnior, nomeado domingo passado e empossado segunda-feira nas suas funções, formou-se em Economia Petrolífera pela Universidade de Laval (Quebeque).
De 55 anos, casado e pai de 4 filhos, Carlos Gomes Júnior frequentou também o Instituto Comercial da Escola Comercial e Industrial de Bissau e fez uma formação bancária no Banco Central dos Estados e da África Ocidental (BCEAO).
Ele dirigiu o gabinete de estudos do Banco Central da Guiné- Bissau e a Sociedade de Distribuição de Combustível e Lubrificante da Guiné-Bissau (DICOL).
Fundador da Sociedade "Petromar", vocacionada ao abastecimento de combustível, Carlos Gomes júnior era presidente do Conselho de Administração do Banco da África Ocidental (BAO) antes da sua nomeação como chefe do governo bissau-guineense, na sequência das eleições legislativas de Março passado ganhas pelo Partido Africano para a Independência da Guiné-Bissau e de Cabo Verde (PAIGC), do qual é presidente.
O PAIGC venceu o escrutínio com uma maioria relativa de 45 deputados, dos 102 que integram a Assembleia Nacional (Parlamento) bissau-guineense.

11 Maio 2004 13:12:00


xhtml CSS