Bill Gates renuncia à Cimeira da UA em Addis Abeba

Addis Abeba, Etiópia (PANA) – O empresário americano Bill Gates, fundador da Microsoft, renunciou à sua participação na 16ª Cimeira da União Africana por falta de tempo para se endereçar aos chefes de Estado e de Governo presentes em Addis Abeba, indicou domingo uma fonte à PANA na capital etíope.

Gates tomou esta decisão numa altura em que já estava em Londres, na Inglaterra,  em previsão da sua participação na 16ª Cimeira da UA que arrancou domingo em Addis Abeba sob o lema "Valores Partilhados para uma Maior Unidade e Integração".

"Como inicialmente previsto, Gate devia endereçar-se à cimeira a 30 de janeiro mas a sua intervenção foi adiada para 31. Finalmente, isto se tornou incerto. Bill Gates preferiu reunciar a vir à Cimeira diante destas hesitações", lamentou sábado um diplomata africano presente na Cimeira.

À frente da Fundação Bill e Melinda Gates, o fundador da Microsoft apoia programas de saúde e de luta contra a pobreza em África, nomeamente a busca duma vacina contra o paludismo para a qual ele concedeu perto de 170 milhões de dólares americanos.

-0- PANA SEI/TBM/MAR/DD 30 jan2011

30 Janeiro 2011 13:24:46




xhtml CSS