Banco Mundial financia projeto de investimento florestal de $ 15 milhões

Abidjan, Côte d'Ivoire (PANA) - O Ministério ivoiriense do Ambiente e Desenvolvimento Sustentável vai lançar, a 15 de outubro, o Projeto de Investimento Florestal (PIF) avaliado em 15 milhões de dólares americanos financiados pelo Banco Mundial (BM).

O PIF visa criar a estratégia nacional do mecanismo de redução das emissões de gás com efeito estufa saídas da desflorestação e da degradação das florestas (REDD+) em 14 florestas classificadas do centro e do sudoeste do país e do parque nacional de Tai.

O objetivo do projeto é conservar e aumentar a estocagem florestal e melhorar o acesso das comunicações selecionadas de rendimentos saídos da gestão sustentável das florestas no seio destas zonas visadas.

O Gabinete Ivoiriense dos Parques e Reservas (OIPR) e a Empresa de Desenvolvimento das Florestas (SODEFOR) são as estruturas de execução do PIF.

A Côte d'Ivoire faz face a uma degradação da sua cobertura florestal que passou de 16 milhões de hectares, em 1960, para cerca de três milhões e 400 mil hectares, em 2015.

O Governo ivoiriense está engajado num procedimento de restauração de seis milhões de hectares de florestas para o período de 2020-2030.

O Ministério das Águas e Florestas indica que o domínio classificado do Estado que conta 234 florestas classificadas, oito parques nacionais e seis reservas, cobre cerca de seis milhões e 400 mil hectares divididos em 70 porcento de zona florestal e pré-florestal e 30 porceno de savana.

Atualmente, este domínio apenas abarca  apenas dois mil e 168 e 638 hectares de florestas.

-0- PANA BAL/IS/SOC/MAR/IZ 12out2018

12 Outubro 2018 15:50:29




xhtml CSS