BM concede ao Congo mais de $ 59 milhões para diversificar economia nacional

Brazzaville, Congo (PANA) – O Banco Mundial (BM) aprovou a segunda fase do Projeto de Apoio à Diversificação da Economia (PADE-2), no Congo, avaliado em  34 biliões e 778 milhões de francos CFA (59 milhões 677 mil  870 dólares americanos),  cuja primeira etapa será concluída em dezembro próximo, anunciou esta quinta-feira a rádio pública congolesa.

Contrariamente ao PADE-1,  que foi financiado em partes iguais pelo Congo e pelo BM, este futuro projeto beneficiará da participação de 63 porcento do BM, 24 porcento do Congo e 13 porcento de outros parceiros dos quais a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD) e o Banco dos Estados da África Central (BEAC).

Operacional desde início de 2008, após o acordo de financiamento entre o Congo e o BM, o PADE-2  terá  por objetivo promover a  competitividade das PME/TPE  nos setores da agroindústria, do turismo-artesanato, do transporte e da logística.

A seis meses da sua conclusão, o PADE-1 apoiou 412 PME (Pequenas e Médias Empresas),  ou seja, uma taxa de realização de 137 porcento. Graças ao Fundo de Apoio  com custos partilhados e à sua unidade operacional, 25 porcento das estruturas que enviaram os seus  pedidos de apoios foram elegíveis de um universo de mais de mil e 200 pedidos.

Para melhorar o clima de negócios, o PADE propôs a supressão de 65 procedimentos dos 85 previstas, com vista a reduzir de forma significativa os prazos e custos relativos aos indicadores do Doing business.

-0- PANA MB/JSG/FK/IZ 8junho2017

08 Junho 2017 19:14:18




xhtml CSS