Assassino de ministro somalí das Obras Públicas condenado à morte

Mogadíscio, Somália (PANA) - O Tribunal Militar somalí condenou, segunda-feira, à morte por enforcamento Ahmed Abdallah Adidi, de 29 anos, pelo assassinato do ministro das Obras Públicas do Governo federal, Abas Sarraji, a 3 de maio de 2017.

O presidente do Tribunal das Forças Armadas, coronel "Libane Ali bero", que leu o veredito, indicou que, depois de ter ouvido as testemunhas e as confissões do criminoso, o Tribunal ficou convencido de que Ahmed Abdallah Adidi foi o autor do assassinato do ministro das Obras Públicas.

-0- PANA AD/IN/JSG/MAR/IZ 31jul2017

31 Julho 2017 16:26:46




xhtml CSS