Angola defende papel decisivo no multilateralismo

Nova Iorque, Estados Unidos (PANA) - Angola declarou segunda-feira na Assembleia-Geral das Nações Unidas em Nova Iorque o seu engajamento firme e o seu papel "decivivo" no restabelecimento da paz e da segurança na região, e o seu engajamento para o desenvolvimento económico para uma sociedade democrática.

"A dedicação de Angola ao multilateralismo é amplamente salientada pelo seu papel na resolução dos problemas, sobretudo na Região dos Grandes Lagos", declarou Ismael Abraão Gaspar Martins, o representante permanente de Angola junto das Nações Unidas e chefe da delegação do seu país no início da 72 Assembleia-Geral anual desta organizações mundial.

Acrescentou que Angola desdobra esforços diplomáticos com seus parceiros regionais e internacionais para alcançar uma resolução política duradoura.

"Tornamos-nos mais aptos e mais capazes de desempenhar um papel preponderante no restabelecimento da paz e da segurança em África para promovermos o seu desenvolvimento económico", declarou Gaspar Martins, segundo um comunicado da ONU.

Sublinhou depois que a recente eleição pacífica organizada (a 23 de agosto último) em Angola mostrou a estabilidade e uma consolidação acrescida da democracia.

Com o início da administração dum novo Presidente, o desenvolvimento económico será uma das prioridades de Angola e o seu engajamento firme para atingir os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODD) e Angola 2030 que são essenciais para se edificar um país próspero e democrático, declarou diplomata.

-0- PANA MA/ASA/TBM/SOC/MAR/DD 26set2017

26 Setembro 2017 16:11:06


xhtml CSS