Alpha Blondy apela aos africanos para unidade

Brazzaville- Congo (PANA) -- O artista músico ivoirense Alpha Blondy apelou, segunda-feira, em Brazzaville, aos Africanos para a unidade, noticiou terça-feira a Rádio pública congolesa.
"Apelo aos povos de África para a unidade, porque o futuro pertence ao nosso continente e os Africanos devem conversar", disse Alpha Blondy, no final de uma audiência com o ministro congolês da Cultura e Artes, Jean-Claude Ngakosso, salientando que "o nosso continente não é pobre.
Somos filhos pobres da globalização.
Estejamos unidos".
"Não se mostra a casa do seu pai com a mão esquerda", afirmou o artista músico ivoirense, insistindo em dizer que "não nos esqueçamos que o futuro pertence à África".
Aproveitou a ocasião para anunciar a sua participação no Festival panafricano de música (FESPAM) a realizar-se na primeira quinzena do mês de Agosto de 2003, em Brazzaville.
Esta manifestação cultural reagrupa de dois em dois anos na capital congolesa várias centenas de músicos, provenientes da África, Europa, América e da diáspora.

10 Dezembro 2002 11:19:00


xhtml CSS