Aberta oficialmente Universidade Amílcar cabral

Bissau- Guiné-Bissau (PANA) -- A Universidade Amílcar Cabral, a primeira instituição pública de ensino superior na Guiné-Bissau, foi aberta oficialmente quinta-feira pelo Presidente da República interino, Henrique Pereira Rosa.
Na ocasião, Henrique Rosa sublinhou a importância da instituição, em particular na Guiné-Bissau, um país que se depara com imensas dificuldades de natureza pedagógica, técnica, financeira e material no sector educativo.
O líder guineense defendeu ainda a necessidade da criação da universidade pelo facto de no país existirem milhares de jovens em idade escolar, sem soluções de formação e sem ocupação.
Segundo o Presidente da Republica Interino, a função principal desta universidade "é a de criar espíritos abertos, humanistas e universalistas".
Henrique Rosa ressaltou que a instituição visa ajudar a sociedade guineense a ultrapassar as dificuldades que enfrenta nos domínios técnico-científicos, contribuindo para imprimir um maior rigor na gestão dos recursos do país.
A Universidade Amílcar Cabral, uma homenagem ao "pai" da independência da Guiné-Bissau, conta com a parceria da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias de Portugal.

15 Novembro 2003 20:06:00




xhtml CSS