ANC desmente rumores sobre morte de Mandela

Cidade do Cabo, África do Sul (PANA) - O Congresso Nacional Africano (ANC), partido no poder na África do Sul, criticou os inventores dos rumores sobre a morte do ex-Presidente Nelson Mandela, de 92 anos de idade.

O porta-voz do ANC, Jackson Mthembu, qualificou de « pessoas sem alma », os que revelaram estes rumores que se propagaram no mundo no fim-de-semana passado.

A Fundação Nelson Mandela anunciou que o ex-Presidente sul-africano estava bem e se encontrava de férias com a sua esposa, Graça Machel, na Cidade do Cabo.

« O ANC condena firmemente os indivíduos ou grupos que estão por detrás deste rumor, destinado a criar uma atmosfera de pânico e de ansiedade no país », declarou Jackson Mthembu.

Segundo o partido no poder, o rumor divulgado na rede social Twitter era « não só malévolo, mas indelicado » para a família de Mandela e a África do Sul inteira.

« É igualmente contrário à cultura e à tradição africanas declarar que uma pessoa viva morreu », declarou o porta-voz do ANC, exortando Twitter a abrir um inquérito e a encontrar os meios de impedir o uso da sua rede social para fins maldosos.

Mandela retirou-se da vida pública há vários anos e aparece raramente em público.

-0- PANA CU/SEG/FJG/JSG/MAR/TON 17jan2010

17 Janeiro 2011 11:21:18




xhtml CSS