50 migrantes senegaleses detidos no norte da Mauritânia

Nouakchott, Mauritânia (PANA) - Cerca de 50 migrantes do Senegal estão detidos desde segunda-feira na cidade mauritana de Nouadhibou, a cerca de 465 quilómetros a norte da capital, Nouakchott, por alegada migração ilegal, soube a PANA de fontes de segurança.

Estes migrantes viajavam a bordo de um navio que foi intercetado por uma patrulha da Gendarmaria mauritana quando seguia com destinio ao arquípelago espanhol das Canárias.

Eles estão atualmente a ser interrogados pelos gendarmes para depois serem deportados  para o Senegal nos próximos dias, explicam as mesmas fontes.

Os migrantes acusam o transportador de ter recebido dinheiro destinado ao pagamento das "despesas de viagem" e de os ter abandonado depois.

A Mauritânia e Espanha estão ligadas por um acordo no domínio da luta contra a migração ilegal há vários anos, o que levou à criação de um centro de detenção em Nouadhibou.

-0- PANA SAS/IS/MAR/IZ 05junho2018

05 Junho 2018 11:55:07


xhtml CSS