19 países africanos decidem criar Governo da União

Charm el-Cheikh- Egipto (PANA) -- Dezanove países africanos decidiram esta terça-feira em Charm el-Cheikh, no Egipto, criar "imediatamente" o Governo da União com vista a atingir o objectivo dos Estados Unidos de África, soube a PANA de fonte segura.
Durante o debate sobre o Governo federal, estes países deram o seu acordo ao projecto da União Africana, de acordo com fontes que assistem à reunião em curso.
Os países que decidiram criar o Governo da União são a Líbia, o Senegal, a Gâmbia, a Guiné-Bissau, a Libéria, o Mali, o Níger, o Benin, o Togo, o Tchad, o Sudão, a República Centro Africana, o Gabão, as ilhas Comores, a Serra Leoa, São Tomé e Príncipe, a Guiné Equatorial, a Guiné Conakry e o Egipto.
Quatro países - a Mauritânia, o Congo, as ilhas Comores e o Djibuti - decidiram levar a cabo consultas ulteriores antes de tomar uma decisão.
Os Estados apoiantes da criação imediata do Governo da União decidiram reunir-se em Dakar, no Senegal, ou em Libreville, no Gabão, depois da Cimeira da UA de Charm el-Cheikh para tomar as medidas que oficializam a sua decisão.
Contudo, os debates dos Chefes Estado sobre o Governo da União prosseguem, o que deixa antever o aumento do número de países aderentes ao projecto.

01 Julho 2008 11:07:00




xhtml CSS