África do Sul inquire sobre passageiros clandestinos de British Airways

Cidade do Cabo, África do Sul (PANA) - A Companhia dos Aeroportos da África do Sul (ACSA) confirmou sexta-feira que dois passageiros clandestinos não identificados conseguiram embarcar a bordo dum voo da British Airways de Joanesburgo para Londres.

Um dos homens morreu durante o trajeto, enquanto o outro se encontra num estado crítico num hospital do oeste de Londres.

O porta-voz da ACSA, Colin Naidoo, declarou que a Polícia sul-africana inquire igualmente sobre a falha de segurança.

Parece que um dos homens morreu depois duma queda no teto duma loja de Londres, enquanto o outro foi descoberto com hipotermia severa no trem de aterragem do avião depois da aterragem.

Os peritos da aviação afirmam que os passageiros clandestinos teriam sido expostos a temperaturas compreendidas entre menos 40 e menos 50ºC quando o avião estava em altitude de cruzeiro.

Há três anos, um homem que escalou o quintal do aeroporto internacional da Cidade do Cabo foi encontrado morto no interior do trem de aterragem dum avião da British Airways em Heathrow.

No ano passado, um outro homem foi encontrado morto num avião da South African Airways quando aterrou no aeroporto internacional de Dulles em Washington. O avião voou de Joanesburgo via Dakar, no Senegal.

-0- PANA CU/VAO/MTA/BEH/IBA/MAR/TON 19 junho 2015

19 Junho 2015 22:29:01




xhtml CSS